11 de fev de 2010

Projeção Autos Posts: Fiat Idea Adventure 2011






















Como todos nos sabemos a Fiat está testando o novo Idea 2011, totalmente disfarçado o novo Idea tera como principais mudanças a dianteira do modelo os farois, a grade, as maçanetas, as laternas traseiras, e a placa do modelo tradicional descerá para o para-choque traseiro. O modelos vira entre abril, maio, junho e julho.
Ele vira equipado com novo motor 1.6 16V Tritec. As versôes serão a ELX 1.4 8V, ELX 1.6 16V, HLX 1.6 16V, HLX 1.6 16V Dualogic (provavelmente), Sporting 1.6 16V, Adventure Locker 1.6 16V, Adventure Locker Dualogic 1.6 16V.
A lanterna traseira vira com leed´s e novo posicionamento das luzes e placa no para-choque.
O Autos Posts fara mais tardar uma projeção da Frente do modelo.

3 de fev de 2010

Novo VW Crossfox ou Renault Sandero Stepway














Há quem torça o nariz para as versões com apelo aventureiro, mas não há como negar que para enfrentar ruas esburacadas elas acabam sendo boas opções, contanto que você se lembre que não são boas de curva. E sem quebra-mato, estribos exagerados e faróis demais, elas deixaram a aparência de pequenos tanques de guerra e passaram a ter certo charme. A nova geração do CrossFox e o Sandero Stepway são dois bons exemplos de como esse tipo de carro evoluiu. Embora sejam feitos para ocupar um nicho de mercado, fazem todo o sentido em um país em que a grande maioria da malha viária está mal conservada, ou nem sequer é pavimentada.













O Volkswagen acaba de chegar ao mercado de cara nova, instrumentação de primeira linha e com opção de ser equipado com uma série de itens sofisticados, como teto-solar e sensores que ligam o limpador de para-brisa e ajudam a estacionar. Mas ficou mais caro do que já era. Agora tem preço sugerido que pode chegar a R$ 62.702, mas parte de R$ 46.090, valor que sobe para R$ 51.730 apenas com a inclusão de ar-condicionado (R$ 3.880) e rodas de liga-leve de aro 15” (R$ 1.760). Por esse preço é possível comprar o Renault quase completo. Com R$ 47.910 o Stepway sai da loja com ar-condicionado, conjunto elétrico, computador de bordo, som com controles próximos do volante, alarme e com a vantagem de vir com rodas maiores (16 polegadas ante as de 15 do rival). Básico, custa R$ 42.750.
Mas, calma, caro leitor, a diferença de preço é considerável, mas é preciso levar em conta que o Volkswagen tem estrutura e mecânica mais refinadas. Isso faz dessa disputa uma briga bem acirrada e que leva ao seguinte dilema: optar por um modelo que custa mais e que entrega menor nível de ruído, conjunto mecânico um pouco mais sofisticado e ainda pode vir com uma parafernália eletrônica se custo disso não for problema? Ou ficar com algo bem mais em conta e que oferece apenas o essencial, tanto para o conforto quanto para segurança?
A resposta é: fique com o Sandero. Por quê? É o que veremos daqui para frente. O Renault faz um pouco mais de barulho quando você pisa fundo no acelerador, mas seu desempenho é um pouco melhor, beneficiado pela relação peso-potência um mais favorável (9,9 kg/cv ante 10,9 kg/cv), uma das razões da vantagem de meio segundo do Stepway na aceleração de 0 a 100 km/h (10,5 segundos, contra 11s do CrossFox), segundo os números das fabricantes. As retomadas são quase iguais, mesmo com o cabeçote de 16 válvulas do Sandero, que tem praticamente a mesma força do Volkswagen, mas que aparece um pouco depois (15,5 kgfm a 3.750 rpm, ante 15,6 kgfm a 2.500 rpm). Ambos vêm com relações de marchas curtas, que procuram ajudar na agilidade, mas que mantêm a rotação do motor um pouco mais alta que o ideal nas viagens. No Stepway, a 120 km/h, o conta-giros aponta quase 3.800 rpm, ante 3.600 rpm do CrossFox.










Trocando de marchas, a única diferença que você vai notar entre os dois é que a trambulação do câmbio do Volkswagen contribui com os engates sempre precisos,mas isso não significa que falta precisão no Renault, que mostra uma boa evolução quando comparado do Clio, cuja alavanca insiste em não parar no lugar, principalmente ao acelerar. Nas curvas, vai notar que o volante de três raios do CrossFox é um pouco menor e tem melhor empunhadura, o que ajuda nas manobras, mas o do Stepway não chega a atrapalhar os movimentos, nem em trechos sinuosos. Com pneus lameiros, como a unidade avaliada, o Volkswagen tem o nível de ruído um pouco maior e perde aderência no asfalto, fazendo as rodas da frente girarem em falso, principalmente em piso molhado

Por causa do polêmico estepe na traseira do CrossFox, a visibilidade do Renault é melhor. Assim como o rival, o Stepway também vem com banco do motorista com regulagem de altura, retrovisores com bom ângulo de visão e faróis auxiliares de neblina como itens de série. De quebra, ainda não vai sujar as mãos para acessar o porta-malas e nem vai ter que estacionar longe da parede ou de qualquer obstáculo que pode impedir a abertura da tampa. Na linha 2010 do Renault foi instalado um sistema de som mais moderno, com entrada auxiliar para iPod e ainda o terceiro encosto no banco traseiro, item que ajuda na segurança.










Some a isso um espaço interno maior do Renault, que comporta cinco ocupantes com mais conforto (entreixos de 2,59 centímetros, ante 2,47 cm do rival), bem com suas respectivas bagagens, já que o porta-malas do Stepway leva 320 litros, ante 260 do CrossFox. Como a maioria que compra esses aventureiros urbanos mora em grandes cidades, outro fator que pesa a favor do Stepway é o valor do seguro, bem mais em conta no caso do modelo da marca francesa.

Em média, considerando como perfil padrão um homem casado, de 40 anos, que usa o carro para ir e voltar do trabalho e tem garagem coberta nos dois locais, os donos de Sandero pagam R$ 2.000 e praticamente o mesmo valor de franquia, enquanto que os de CrossFox desembolsam R$ 3.200 e R$ 1.800, respectivamente. Além disso, o Renault tem três anos de garantia ante apenas um do Volkswagen. São diferenças de custo que acabam compensando pequenas desvantagens técnicas do Stepway em relação ao CrossFox, que oferece menos espaço e desempenho um pouco abaixo do rival da marca francesa.











CrossFox | Stepway
Preço inicial (R$) 46.090 42.750
Motor cc 1.598 1.598
Potência (cv) 104 (A)/ 101(G) a 5.250rpm |112 (A)/ 107 (G) a 5.750 rpm
Torque (kgfm) 15,4 (A) / 15,6 (G) a 2.500rpm |15,5 (A)/ 15,1 (G) a 3.750 rpm
Comprimento (m) 4,03 | 4,10
Largura (m) 1,68 | 1,75
Altura (m) 1,63 | 1,64
Entre eixos (m) 2,47 | 2,59
Porta-malas (L) 260 | 320

2 de fev de 2010

Ford Ecosport 2011: Ford divulga fotos oficiais

















A ford divulgou hoje as fotos oficiais do Ford Ecosport 2011 que tem data de lançamento marcada para esse dia 4 de fevereiro. Como principais mudanças as grades dianteiras,as rodas, a inscrição ECOSPORT no capo, farois com mascara negra nas versôes FreeStyle e 4WD, novo grafismo no quadro de instrumentos, novo revestimento nos bancos e portas, portas-objetos são novos, chave canivete a partir da versão XLS novas barras longitudinais no teto, novo desenho nas proteçôes plasticas laterais com inscrição EcoSport.

Na Versão FreeStyle 1.6 vem agora tambem de série com computador de bordo, direção hidraulica, ar-condicionado, controles de radio no volante, vidros e travas elétricas, sistema de som com My Connection e também uma nova roda de 15" polegadas. A Ford sugere o preço desta versão a partir de R$ 57.190. A versão EcoSport XLT 1.6, que vem equipada com airbag duplo, tem preço sugerido pela Ford de R$ 58.190. O EcoSport XLT 1.6 quevem com bancos com revestimento em couro e com freios ABS, o preço sugerido pela Ford é de R$ 60.190.

Veja imagens abaixo:



23 de jan de 2010

Assim será a nova EcoSport 2013 que chega em 2012














Mês que vem chega às lojas o EcoSport 2011, com mudanças mínimas de desenho. Agora, vamos dar um salto em direção ao futuro. Apresentamos a próxima geração do modelo, a linha 2013, que será lançada no final de 2012. Autoesporte teve acesso ao principal projeto em andamento na fábrica de Camaçari (BA). No quadro, você vê a imagem em 3D obtida pelo site Notícias Automotivas e repassada a nós. Com a imagem em mãos, que desvenda o desenho da traseira, consultamos nossas fontes ligadas à marca e fizemos a projeção acima - "de alto nível de refinamento", segundo um informante. Ou seja, você pode considerar a projeção feita por computação gráfica, por nosso projetista João Kleber Amaral, como o desenho definitivo da próxima geração do EcoSport.
A principal novidade será o fim do estepe preso à tampa do bagageiro. O brasileiro gosta disso, mas o futuro Eco será um modelo mundial, e o estepe à mostra, além de estar fora de moda lá fora, não seria aprovado nos rigorosos testes de impacto norte-americano e europeu. O novo EcoSport seguirá o padrão de design mundial da Ford. Repare como as lanternas são parecidas com as do Focus Sedan de terceira geração. A dianteira exibirá um desenho "inspirado no Kuga", diz a fonte.

Projeção: O site Autos Segredos faz projeção do novo Fiat Idea 2011

















Logo no começo do Autos Segredos publiquei com exclusividade um flagra da nova geração do do Fiat Idea. O registro feito em maio de 2009. Entretanto, estava na cola do modelo desde fevereir, pois, já sabia da montagem dos primeiros protótipos. Agora quase um ano depois o blog publica uma projeção que deve ficar bem perto da versão final do modelo, que estreará ainda no primeiro semestre. A imagem foi produzida a partir dos flagras publicados no Autos Segredos. A minivan deverá ser o terceiro lançamento da Fiat no primeiro semestre, o primeiro será o Uno, o segundo o Punto que marca a chegada do propsulsor Tritec 1.6 16V que deverá ter potências aproximadas de 125CV com gasolina e 128CV quando abastecido com álcool. O Idea também passará a usar o propulsor 1.6 16V em substituição ao antigo 1.8 de origem Powertrain. Para marcar a mudança da minivan a Fiat passará a comercializará a inédita versão Sporting. A versão esportiva terá saia nas laterais, e spoliers nos para-choques dianteiro e traseira. Ja a tampa traseira ganhará um aerófolio. O Idea 2011 terá motores 1.4 Fire com melhorias para ter mais potência e o 1.6 16V Tritec, sendo que o último ainda terá opção do câmbio Dualogic. As versões serão ELX, HLX, Sporting e Adventure.

O Idea 2011 ganhará um novo conjunto frontal que deixará com a frente mais bicuda como a do Punto, os faróis terão duplo refletor e o formato lembrará os do Lancia Musa. O para-choque também muda bastante e a grade lembra um pouco a do Punto, porém com menor número de filetes, a grade inferior também será filetada. O capô terá dois leves frisos que vão de encontro aos faróis.

Nas laterais a maior mudança serão as maçanetas que são as mesmas da linha Palio e novos frisos. Já traseira a maior mudança será a descida da placa de identificação que desce par a o para-choque, formato é praticamente o mesmo, sendo que agora sem a placa a tampa fica parecendo ser maior, mas, isso não passa de sensação. As lanternas ficam como são, entretanto, ganham desenho interno inspirado nas do Musa e suas luzes de posição serão em formato de led´s.

Já a versão aventureira mostrada aqui com pouca camuflagem não terá quase nenhuma mudança na traseira. Nas laterais as molduras dos para-lamas terão o mesmo formato das usadas pela família aventureira do Palio. A dianteira ganhará faróis de máscara negra e a grade será a velha conhecida já usada pela linha Palio e Doblò.










Créditos e Projeção: Autos Segredos

Posts Bus



O Blog Posts Bus está na rede!!!!!

22 de jan de 2010

Breve: Posts Bus!!!








O Autos Posts esta lançando o Posts Bus, um blog com a mesma qualidade do Autos Posts, mas com outro conteudo, o novo conteudo será sobre Ônibus, amhanã o Posts Bus estará na rede. O Posts Bus é um blog do Auots Posts. Agaurdem até amanhã.

Revista AUTO ESPORTE de Fevevereiro mostra o Calendario de lançamentos


















Área Restrita Especial: Autoesporte teve acesso a documento sigiloso que mostra o calendário de lançamentos das fábricas entre 2010 e 2014. Num especial de 25 páginas, mostra quando os carros chegam, mudam ou saem de linha. São mais de 100 modelos nacionais e importados, com destaque para a nova geração do EcoSport (2013), os novos Fiat Uno e Idea, o Toyota compacto que será feito em Sorocaba (SP), as novas gerações de VW Polo, Ford Focus, Honda Civic, Citroën C3, VW Golf, Chevrolet Classic, e ainda modelos inéditos como Renault Duster, Fiat Bravo, C3 Picasso off-road etc. Um guia obrigatório para quem gosta de segredos ou quer planejar bem sua próxima compra. Para ler e guardar.

E mais:

Uma viagem de quase 4 mil km com o EcoSport 2011 de California a Nova Iorque (sem sair do Brasil)

Aceleramos o Ford Kuga, que será produzido na Argentina e vendido no Brasil

Teste do Audi RS6 (com direito a recorde de aceleração)

Primeira Volta: BMW X1, Focus Sedan 1.6 Flex e Nissan Tiida reestilizado

Comparativo: Kia Soul x novo Fiat Doblò

Melhores e piores de 2009, Salão de Detroit, Jovens engenheiros nos boxes, e muito mais!

Revista Carro mostra Ecosport 2011














































A Ford iniciará na primeira quinzena de fevereiro as vendas da linha 2011 do EcoSport. O modelo, que recebeu um pequeno facelift em 2007, traz leves alterações visuais, lista de equipamentos revisada e preço mais em conta, partindo de R$ 57.190 para a opção FreeStyle 1.6 (a versão custava R$ 58.680).

Na parte externa, as novidades ficam por conta do emblema com o nome do modelo no capô – estilo que lembra o adotado pela Land Rover –, novas rodas de 15”, bagageiro inédito e moldura na lateral. A grade do radiador passa a ser pintada na tonalidade Cinza London para o FreeStyle e o 4WD.

No interior, a principal mudança ocorreu no painel de instrumentos, a partir de agora com iluminação branca e do tipo "always on" (ou sempre ligado, em português). Ele também tem função boas-vindas, a qual movimenta os ponteiros quando a ignição é acionada. O Ford agora passa a contar com os avisos de manutenção, faróis ligados e portas abertas. No EcoSport 1.6 XLT (com airbag duplo de série) e FreeStyle 1.6 e 2.0, o computador de bordo é introduzido como item de série.
Por fim, a chave agora é no formato canivete e a fabricante ampliou o prazo de garantia do modelo para três anos. O conjunto motor e câmbio não foi alterado, com o propulsor 1.6 flex desenvolvendo 107 cv de potência a 5.500 rpm e 15,3 kgfm de torque a 4.250 rpm e o 2.0 flex entregando 145 cv a 5.750 rpm e 19,3 kgfm a 4.250 rpm – ambos com álcool. Confira abaixo os preços das versões do EcoSport 2011:


FreeStyle 1.6 R$ 57.190
XLT 1.6 R$ 58.190
XLT 1.6 com bancos de couro e ABS R$ 60.190
FreeStyle 2.0 R$ 59.480
XLT 2.0 automática R$ 60.910
4WD 2.0 R$ 61.880

O teste completo do modelo você acompanha na edição de fevereiro da revista CARRO, que chega às bancas nos próximos dias.

Imagens Revista Carro

No blog

Seguidores